Nossa proposta

Objetivos

O Projeto “Salões de Cultura” tem por objetivo oferecer a um público diversificado e ávido por conhecimentos o desenvolvimento de um amplo leque de atividades culturais, visando, além do aprimoramento cultural, a capacitação profissional.

Profissionais liberais, professores, estudantes, executivos de grandes empresas e cidadãos e cidadãs em geral – para cada um destes segmentos, o Projeto “Salões de Cultura” oferecerá cursos e minicursos, oficinas e palestras, desenhados sob medida para inseri-los efetivamente no espaço da contemporaneidade.

Para a realização dos programas, que contemplam temas das artes, filosofia, sociologia, metodologia das ciências, ética e política, direito, comunicação, literatura, educação, economia e meio ambiente, e outros que poderão ser desenhados com a participação do público interessado, o Projeto “Salões de Cultura” mobiliza um elenco de experientes professores e ex-professores recrutados nas principais universidades do país.

Princípios
Nossos princípios fundamentais têm como referência a promoção de um espaço de convivência no qual é fundamental o debate livre, sem coerção, independentemente de qualquer conotação político-partidária ou religiosa, pautado no respeito, na diversidade de opiniões, na liberdade de expressão, focado sempre no aprofundamento dos temas abordados com muito cuidado e rigor.

Coordenação
As atividades serão coordenadas e ministradas, na sua maioria, por professores das grandes universidades brasileiras, com larga experiência em seus campos de investigação, de tal modo que possam apresentar o saber que se desenvolve nos muros das grandes universidades para o grande público que se encontra fora delas.

Livros
Os minicursos serão transformados, na medida do possível, em pequenos livretos de 50 páginas, que serão disponibilizados em formato digital e em impressos sob demanda.

Bolsas
Em todas as atividades (minicursos, palestras e oficinas), será reservado um percentual a pessoas de baixa renda, às quais serão oferecidas bolsas. A oferta de bolsas, em cada atividade, dependerá muito da adesão de patrocinadores. e, por isso mesmo, muitas atividades poderão ser oferecidas gratuitamente.

Parcerias
Parcerias com associações profissionais, instituições culturais, secretarias de cultura e educação do estado e municípios serão tratadas de acordo com suas necessidades específicas.

Sede
Com sede na cidade de São Paulo, na Avenida Faria Lima, 1226, 1º andar– Pinheiros –  Estação Faria Lima do Metrô, os Salões de Cultura ocorrerão às tardes e noites, das 14h00 às 22h00. Além da sede, os cursos ocorrerão também em outros bairros da capital.

Instalações 

Todas as salas dos “Salões” dispõem de audiovisual, quadro branco, internet e ar condicionado.

Em outras cidades
Nas demais cidades do Brasil, as atividades serão realizadas em salas próprias dos “Salões” e em outras em parceria com instituições com tradição na promoção de atividades da mesma natureza das que estão propostas aqui. Os coordenadores regionais terão autonomia para decidirem sobre o melhor formato, respeitando-se sempre as peculiaridades regionais.

 

Coordenação geral:

Prof. Milton Meira do Nascimento – São Paulo

Coordenadorias regionais:

Charbbel di Nicollau – Angra dos Reis e Região Sul-fluminense

Prof Genildo Ferreira da Silva – Salvador

Prof. Luiz Felipe Sahd – Fortaleza

Profa. Cecilia de Almeida – Brasília

Profas. Helena Esser dos Reis e Rosângela Chaves – Goiânia

Profs. Evaldo Becker e Michelle Amorim  – Aracaju

Profa. Karla Pinhel Ribeiro – Curtiba

Profs. Pedro Paulo Costa Côroa e José Edison Ferreira – Belém

Profs. Roberto de Barros Freire e Maria Cristina Theobaldo – Cuiabá

Prof. Marco Antonio Sousa Alves – Belo Horizonte

Prof. Narbal Marsillac Fontes – João Pessoa

Prof. Ascísio dos Reis Pereira – Santa Maria

Profa. Suelen da Silva Webber – Caxias do Sul